Como Emagrecer No Inverno? 8 Dicas Para Maximizar Seu Resultado

Tempo de leitura: 8 minutos

Emagrecer no inverno é o sonho de muitas…

Mas pode ser o pesadelo de tantos outras.

Sei que na estação fria, você, como todo mundo, costuma ficar parada, com mil desculpas para não fazer aquilo que precisa ser feito.

Pensa que nesta época do ano é mais fácil engordar, certo?

Errado.

É aí que você se engana.

Apesar de quase todas afirmarem que, no inverno a fome aumenta e o corpo fica preguiçoso…

Na realidade – o frio pode ser um grande aliado no seu emagrecimento.

No artigo de hoje eu quero te ensinar como você pode usar o inverno a seu favor.

Eu te convido: “vem!… Emagrecer no inverno”.

Passar frio pode ajudar a emagrecer.

O frio emagrece.

Mas sem iniciativa, você não vai muito longe.

Confie…porque é verdade.

Os estudos já mostraram que quando o inverno chega, o metabolismo do nosso corpo fica mais acelerado.

Afinal, precisamos gastar mais energia para mantermos a nossa temperatura.

Portanto, você gasta calorias quando simplesmente treme de frio.

CERTO.

Então, basta você passar frio o tempo todo que você emagrece.

ERRADO.

Isso funciona até um certo ponto.

Você precisa ter bom senso para aproveitar a oportunidade de emagrecer no inverno.

Por isso passo aqui 8 dicas honestas que vão te ajudar.

8 Dicas De Como Perder Peso No Inverno

O frio chegou…

Você com vontade de ficar debaixo do edredom, curtindo um filme.

É desse jeito…

Você pode até ser pessimista e querer deixar seu emagrecimento pra depois.

Mas para conseguir um RESULTADO REAL é bom começar.

Para Começar…

Cuidado na hora de escolher seus alimentos.

Coma frutas, verduras e legumes – eles são a base da alimentação saudável e da perda de peso.

Sei que é comum, ter vontade de eliminar estes alimentos no inverno.

Mas tenha em mente que eles precisam fazer parte da sua mesa, durante TODO o ano – esta é regra.

Até aí tudo bem.

Mas chega um ponto no frio, que talvez, você não aguenta mais tanta salada e fruta.

Então, explore as versões quentes das comidas leves.

Você pode, por exemplo, optar pelas versões cozidas [quentes] das saladas e frutas.

 Segunda

Os alimentos termogênicos dão mais energia pra você enfrentar o inverno.

Por isso, invista nos alimentos termogênicos naturais.

Eles têm o poder de elevar a temperatura do corpo – acelera o seu metabolismo.

Vou te dar alguns exemplos: coco, chá, canela, pimenta, café, gengibre, alho, cebola e outros.

Tome CHÁ ao invés de chocolate quente.

Os chás de gengibre, chá verde e de canela aceleram o metabolismo e facilita a queima de calorias.

Terceira

Atenção!

Uma coisa que você faz naturalmente, no inverno, é tomar sopas e caldos.

Mas a maioria das receitas permitem que você abuse dos ingredientes.

É bom, por exemplo, você ficar longe do caldo verde com batata inglesa, bacon e minestrone, composta por macarrão com feijão.

Prefira sopa de legumes.

Os mais recomendados são abobrinha, berinjela, chuchu, alho poró, couve-flor, brócolis, abóbora e carboidratos de baixo índice glicêmico, como batata doce ou baroa.

Se você optar pelos carboidratos, combine com legumes de sabor neutro, como couve-flor e chuchu, para diminuir o teor de calorias do prato.

 Quarta

Fuja do fondue de queijo.

Eu recomendo que você faça fondue de legumes, tostados com pão integral e cogumelos.

No caso do fondue de carne, opte por grelhar os pedaços em uma frigideira antes de colocar na panela.

Assim ela fica menos tempo mergulhada no óleo quente e acaba absorvendo menos gordura e, consequentemente, diminuindo o valor calórico.

Como acompanhamento, se possível escolha molhos que não contenham maionese ou creme de leite.

 Quinta

O clima frio é muito bom, contando que tenhamos uma ótima companhia e um bom vinho.

Eu te recomendo que você troque a cerveja pelo vinho.

É verdade que a cerveja é menos calórica, mas, provavelmente, você não conseguirá beber apenas duas latinhas.

O vinho tinto ainda faz bem para a saúde do coração.

A recomendação diária de consumo é de uma taça. Só uma taça!

Sexta

No inverno, a nossa tendência é comer MUITO e ainda optarmos por comidas mais CALÓRICAS.

Carnes gordas, frituras, doces e chocolates, são exemplos.

Eu te recomendo que ao fazer suas refeições OBSERVE a quantidade desses alimentos.

Como eu já falei, é importante ter bom senso.

Nesse caso, coma também alimentos que contenha muitas fibras. Estou falando das sementes e cereais  como: soja, quinoa, aveia, linhaça, chia, entre outras.

Elas são ótimas fontes de fibras e podem ser acrescentadas em iogurtes, saladas, vitaminas, massas de pão e bolo.

A quinoa pode ser uma opção para substituir o arroz.

Mas, caso você não goste desta ideia, eu sugiro, você  colocar quantidades pequenas de quinoa no meio do arroz quando for afogá-lo.

Com certeza, isso vai te ajudar emagrecer.

É óbvio, você já sabe, para emagrecer é necessário diminuir os alimentos calóricos, aumentar o consumo dos alimentos menos calóricos, comer uma quantidade grande de fibras e beber muita água.

O importante é entender que vai existir as tentações, mas se você quer REALMENTE emagrecer no inverno, ou em qualquer outra estação do ano, precisa RESISTIR.

Essa é a mentalidade que você tem que ter.

Sétima – A Água

Sei que às vezes, não sentimos sede, principalmente, nesta estação.

Mas saiba que é indispensável beber água antes mesmo de sentir sede.

Além da água HIDRATAR o corpo, ela mantêm o nosso metabolismo em constante movimento.

A água também controla a fome – ela vai reduzir seu apetite.

Beba muita água, ela ajuda emagrecer.

Um outro benefício da água, é que ela ajuda muito no funcionamento do intestino porque ela é um alimento que contém fibras.

Então, qualquer que seja a época do ano, não esqueça de beber água.

Ahh! E beba água antes de você sentir sede.

Sabemos que 70% a 80% do nosso corpo é composto de água. Você deve se lembrar que ela é essencial para que tenhamos saúde.

Por último…

Oitava – A Dica de Ouro

Exercite no inverno – desenvolva este simples hábito e veja a diferença que fará no seu verão.

manter dieta

Imagine só:

Imagine se, no frio, você vai querer  ir na academia ou simplesmente fazer uma caminhada ao ar livre?

Sim, você vai.

Você PRECISA!

Porque é justamente no inverno que os exercícios trazem MAIOR RESULTADO.

É por isso que muitos atletas consideram o inverno a melhor época para a prática de corridas mais intensas.

Talvez, você costuma diminuir a prática de exercícios no inverno.

Mas saiba que não deveria ser assim.

Entenda isso…

Qualquer que seja o tipo de exercício que você pratique nos dias mais frios, vai te ajudar a gastar mais calorias.

Como já falei, você terá um melhor resultado.

Mas os exercícios devem durar pelo menos 30 minutos seguidos, para fazer efeito. E no mínimo 3 vezes na semana.

Eu, pessoalmente, prefiro caminhar ao ar livre. Além de perder calorias, eu relaxo a mente.

Se você também caminha ou corre e deseja melhorar o seu desempenho, as baixas temperaturas são mais agradáveis para adaptar o corpo.

Você compreende?

Caso você ainda não tenha hábito de se exercitar, é melhor começar no inverno – você vai se adaptar melhor.

Agora, se o seu objetivo é aumentar a intensidade dos exercícios, o inverno pode ser uma boa época para isso, já que a troca de calor com o meio ambiente ocorre com mais facilidade.

Arregace as mangas, se exercite, beba muita água e tenha bom senso na hora de se alimentar.

Em vez de criar objeções pra você emagrecer no inverno…

Não se esconda.

Não tenha medo do frio.

Realmente enfrentar o frio não é muito fácil.

Mas vou te dizer que esta é a estação ideal para emagrecer.

Ahhh…

E no Brasil faz pouco frio.

O frio é moderado.

Então é isso.

Estas eram as dicas que eu queria te passar hoje.

Acho que são ótimas dicas e que você deve aproveitá-las.

Se você gostou deste artigo, aproveite o espaço abaixo e deixe seu comentário.

Abraços
Ademir Soares

Você Gostou? Por Favor Compartilhe!